História de vida

|
Quero dedicar este espaço para falar de alguém muito especial na minha vida!

Tudo começou quando eu ainda era pequeno e fui apresentado a ele, aprendi a amá-lo e andávamos sempre juntos. Eu ainda era pequeno, tinha por volta de 5 ou 6 anos de idade, estava indo para igreja que congregava em um domingo pela manhã, assim como fazia todos os domingos. A igreja era perto da minha casa, cerca de cinco ou seis casas depois da minha, então era normal eu ir sozinho (quando eu era pequeno era possivel andar nas ruas em segurança). No meio do caminho eu me senti estranho, não sentia minhas pernas e meu corpo formigando não obedecia meus comandos, a visão me faltou e eu desmaiei no meio da rua... não sei por quanto tempo fiquei ali, mas depois de recuperar minhas forças eu retomei meu caminho em direção a igreja.

Já na igreja voltei a sentir as mesmas sensações de antes, porém dessa vez acordei em um hospital. Estava com meningite, que além de atingir meu cérebro debilitou as defensas do meu corpo, logo outras doenças tiveram acesso livre para entrar.

Eu era pequeno e fraco, e os médicos não gostavam nada da situação, mas ele, meu amigo, sempre esteve lá. Todos os dias acordava com ele falando ao meu lado, me animando, cantávamos juntos, e eu nem sentia a dor das agulhas, soros e o fato de estar em um hospital.

Depois de um tempo, sai do hospital, totalmente recuperado, sem nenhuma das seqüelas que a meningite poria ter causado, não fiquei surdo, não perdi a fala, a coordenação motora, nada nada... tudo perfeito, devo muito ao meu amigo que esteve ali do meu lado, se não fosse ele hein?!

Contudo, passaram-se os anos e eu fui perdendo o contato com ele, me afastei e me esqueci de quem tanto me amou e de quem tanto eu amei...

Agora eu já tinha 13 anos, meus pais estavam se separando, foi uma separação difícil, regada com muitas discussões. Meu pai tentava colocar meu irmão e eu contra minha mãe e ela fazia o mesmo. Eu já estava confuso, tirando notas ruins no colégio, sem ninguém pra me dar uma direção e, foi quando entrei em depressão.

Depressivo eu não tinha vontade de nada, não comia, arranjava desculpas pra não ir a escola, não tinha vontade de tomar banho ou de levantar da cama e vivia chorando. Minha expressão logo que acordava de manhã era: "POR QUE NÃO MORRI DORMINDO?!". Na época eu achava que estava enfrentando tudo sozinho, porque meus pais estavam ocupados demais se divorciando, e as brigas pareciam mais importantes que nem viram o filho entrar em depressão, contudo, meu amigo estava lá, eu não pude vê-lo, mas ele estava sofrendo o meu sofrimento também e, chorava todas eu vezes que eu chorava.

Não demorou muito, eu decidi mudar (talvez pra pior!), comecei a sair, fazer novos "amigos"... eu tinha 14 anos quando comecei a ter relacionamentos com pessoas que bebiam, fumavam, usavam drogas e tudo mais. Eu mesmo nunca usei drogas, mas por muitas vezes bebi de tal maneira que não sabia como eu tinha chego em casa na manhã seguinte! Mas ainda assim me faltava algo, eu bebia, ria, ia em shows, festas, mas nada podia mascarar a dor que eu sentia, faltava algo!

Então lembrei naquele meu amigo, por muitos lugares eu procurei ele, mas não o encontrei em lugar nenhum! Uma amiga do colégio onde eu cursava o ensino médio por muitas vezes me falou de uma pessoa que me fazia lembrar do meu amigo. Ela me convidou para ir a casa dele por inúmeras vezes e eu recusei, ela me deu o endereço então fui visitá-lo. Pra minha surpresa, de fato, era a casa do meu amigo que não via desde pequeno! Que felicidade em revê-lo, porém, nossa amizade tinha mudado, ele me amava ainda com todas as forças, mas eu não o amava tanto assim como antigamente, tinha me esquecido já de como éramos felizes juntos e então fugi novamente!

Agora eu tinha 17 anos, fazia um ano desde a última vez que me encontrei com meu amigo. Então, em um domingo, assistindo tv eu pude ouvir a voz dele, senti ele me chamando, pensei comigo se ele ainda morava no mesmo lugar e decidi revê-lo. Foi naquele dia, que decidi amá-lo por toda a vida e dedicar todo o meu amor a quem nunca deixou de me amar. Hoje eu sou outra pessoa, porque encontrei a verdadeira paz e a verdadeira felicidade desde que o convidei para morar comigo, essa paz e essa felicidade era o que me faltava, o que sexo, bebidas, festas e tudo mais não pode preencher. Muitos o insultam, outros os desprezam e ainda tem aqueles que caçoam dele, porém, eu não os julgo porque eu também fiz o mesmo antes de conhecê-lo profundamente, e ele, todo amoroso, me perdoou por todos os insultos que saíram de minha boca contra ele e, não contente ainda deu sua própria vida para morrer em meu lugar quando era pra eu ter morrido.

Mas ele é tão especial e tão querido de Deus, que ele não permaneceu morto, pensávamos que estava morto para sempre, mas três dias depois de ter tido o seu corpo moído em meu lugar, ele viveu de novo, lindo! *-*

Esse minha história pode não ser muito impactante pra quem não me conhece, mas pra quem me vê e sabe quem eu sou ela tem outro sentido, o sentido de: Como alguém pode ter mudado tanto? Como alguém pode ter tanta alegria depois de passar por tudo isso? Como alguém se tornou tão feliz depois de ter enfrentado tantas lutas? Eu vou explicar...

Meu nome é Tiago, meus amigos me chamam de TK, hoje tenho 21 e quero apresentar meu amigo, motivo de toda a minha alegria, razão no meu cantar, seu nome é JESUS! E convido você a deixar o seu orgulho de lado, abandonar seus pré-conceitos e tudo aquilo que você tem procurado pra preencher esse vazio que você sente no peito. Não estou falando de religião aqui, estou falando de alguém que pode mudar a tua história, assim como a minha foi mudada, alguém que pode te tirar do buraco que você acha que não tem mais solução e te colocar em um lugar de honra, alguém que pode preencher o vazio do teu coração, seu nome é JESUS!

Hoje eu escrevo com a esperança de abençoar a tua vida. Jesus e eu te amamos!
Me coloco a disposição se precisar de ajuda!

Abraço!

"E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo. Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então tenho a força de Cristo em mim." II Coríntios 12:9-10

• História de Tiago Fermino (Tk)

4 comentários:

Cristina Alves disse...

Ain o TK tem uma história e tanto. Eu passeia a frequentar a IBPA ao mesmo tempo que ele, e a gente vê que Jesus transforma mesmo. Deus te abençoe TK, mesmo "longe" foram bons momentos aqueles que passamos! Jo e eu sentimos muito carinho por ti, quem sabe um dia a gente não faz uma saída de casais hahahha
Fica com Deus!

Delmise VASCONCELLOS disse...

Oi TK...Que história! fico feliz em saber que apesar de tudo voltaste para junto do Pai.O nosso Deus é maravilhoso!ele está atento a tudo em nossa vida,e faz de tudo para que agente perceba o quanto ele nos ama.As enfermidades em que sofreu,as perdas,mas para tudo Deus tem um propósito,que talvez agora você não saiba mas um dia ele vai revelar.Agradeço a Deus por sua vida, que a cada dia tenha a oportunidade de realizar a obra com tanto amor como o faz de testemunhar esse JESUS poderoso a que servimos.Um abração pode ter certeza que ele vai estar sempre contigo.

Jonathan disse...

Realmente, esse texto do TK toca muito meu coração. Tk, continue sendo sempre essa bênção que tu és. Felicidades com tua amada! ^^
Um abraço!

TK disse...

Queridos! Obrigado pelo carinho de sempre, vocês também fazem parte da maneira como Deus expressa Seu carinho por mim, amo os amigos e irmãos que tens me dado ^^

Cris, vamos sim, uma hora dessas vamos fazer um passeio, eu, a Aline, tu e o Joabe ^^ tenho um carinho enorme por vcs também...

Delmise, continue tendo sempre esse coração sensível ao SENHOR, e por mais que as lutas venham, nunca deixe de cumprir teus propósitos aqui na terra, tu tem dons maravilhosos... és uma irmã especial, amo a ti e a tua família.

Jhou meu querido, obrigado pela tua amizade e pelo teu carinho, tu é exemplo pra mim de dedicação às coisas de Deus.

Postar um comentário